Manuela Gonzaga

com Sem comentários

Escritores > Manuela Gonzaga

Data Nasc: 18/03/1951 Naturalidade: Porto

Na web: Blog Facebook Twitter


Maria Manuela Gonzaga, escritora e historiadora, nasceu no Porto a 18 de março de 1951, onde viveu até aos 12 anos. A adolescência e uma parte da juventude foi passada em Moçambique e em Angola, para onde foi viver com os pais, professores.

Durante cerca de 30 anos exerceu o ofício de jornalista, tendo publicado centenas de artigos, entre crónicas, entrevistas, reportagens, artigos de opinião. Começou em Moçambique, no Jornal Notícias de Lourenço Marques, depois em Angola, Luanda, na Revista Notícia, e mais tarde em Portugal, tendo passado por vários órgãos de comunicação social, nomeadamente o Correio da Manhã, o jornal O País, o Semanário, a revista Marie Claire e a revista Pais entre outros. Para além disso, dirigiu, coordenou e concebeu uma série de publicações.

Autora de mais de uma dezena de livros, num registo muito plural que vai da biografia histórica ao conto e ao romance, criou uma coleção juvenil – O Mundo de André- com três títulos publicados e largamente difundidos junto de um público juvenil, estando referenciados no Plano Nacional de Leitura. Autora e formadora, Manuela Gonzaga tem desenvolvido programas de incentivo à escrita com assinalável êxito, em aulas presenciais e à distância.

A sua página Oficinas de Escrita, no facebook, é coadjuvada pelo blogue do mesmo nome onde textos dos participantes são divulgados com regularidade.

Escritora e historiadora com o grau de mestre em História pela Universidade Nova de Lisboa, sendo uma das investigadoras agregadas ao Centro de História de Além-Mar (CHAM) da referida Universidade.

Manuela Gonzaga escreve regularmente no seu blogue Diários do Irreal Quotidiano.

É mãe de quatro filhos e avó de dois netos. Foi, ao longo da sua vida, uma ativista com um envolvimento político e social vincado pela luta por causas humanitárias, direitos dos animais e da natureza e por um Portugal mais livre e esclarecido.

A escritora colabora com alguma regularidade com alguns órgãos de comunicação social, nomeadamente com a revista Vogue.


Principais Obras Publicadas

Doida não e não!
2018, Bertrand Editora [1ª edição 2009]

Filha e herdeira do fundador do Diário de Notícias. Mulher do administrador do mesmo jornal, o escritor Alfredo da Cunha. Presa num manicómio por um «crime de amor». Os factos relevantes têm início em Novembro de 1918: era uma vez uma senhora muito rica que fugiu de casa, trocando o … Ler mais

André e o Baile de Máscaras
2017, Bertrand Editora

Na escola, André faz uma nova amiga: a enigmática Formiga. Uma noite, ele recupera a Esfera Mágica e, mais uma vez, encontra-se num mundo desconhecido onde todos usam máscaras… animais misteriosos, pássaros gigantes, seres das grandes profundidades. No decorrer de um grande baile, Formiga aparece e salva-o. Mas ela tem … Ler mais

Xerazade – A Última Noite leva-nos aos meandros de uma fascinante tapeçaria narrativa, onde podemos encontrar referências díspares, quer de mitos clássicos ou pré-clássicos, quer ainda de histórias de encantar, juntamente com «memórias» soltas como «um colar de pérolas» desatadas, que a narradora, Xerazade, tenta reconstruir para confortar o amante … Ler mais

O que é que se tinha passado, e porquê? E porque é que tudo aconteceu como aconteceu? Esse trabalho começou agora a ficar concluído, pois, à medida que ajudei a levantar as névoas que ocultam o passado aos olhos da minha mãe, pude afastar algumas névoas da minha ignorância. Mas, … Ler mais

Em 1526, Isabel de Portugal, considerada a mais bela mulher do seu tempo, foi para Castela ao encontro do marido, Carlos V, rei da Hispânia e imperador do Sacro Império Romano Germânico, o soberano mais poderoso de toda a Cristandade. Em Sevilha quando se encontraram, foi paixão à primeira vista… … Ler mais

Era uma vez um editor, Flávio Sousa. Era uma vez um médico (ou melhor, um psicólogo), João Pires, às voltas com a agonia da criação literária, que lhe apresenta o seu primeiro romance. E era uma vez uma bela e solitária tradutora e copy desk, Vera de Pôncio Pilatos e … Ler mais

André e o Segredo dos Labirintos
2010, Oficina do Livro

Mais uma nova aventura do teu herói preferido, numa aventura cheia de fantasia e tensão entre o bem e o mal num mundo em que os sonhos são proibidos. E onde as crianças são ensinadas a desprezar sentimentos e emoções para se tornarem homens impiedosos e mulheres sem memória. A … Ler mais

Doida não e não!
2009, Bertrand

Filha e herdeira do fundador do Diário de Notícias. Mulher do administrador do mesmo jornal, o escritor Alfredo da Cunha. Presa num manicómio por um «crime de amor». Os factos relevantes têm início em Novembro de 1918: era uma vez uma senhora muito rica que fugiu de casa, trocando o … Ler mais

André e a Esfera Mágica
2006, Oficina do Livro

Plano Nacional de Leitura Livro recomendado para o 5º ano de escolaridade, destinado a leitura autónoma. Quando o circo visita a aldeia de André, o rapaz apaixona-se pela filha do mágico, uma menina lindíssima e enigmática, que lhe oferece um berlinde enorme, límpido como uma lágrima. Entretanto, os pais de … Ler mais

António Variações
2006, Âncora Editora

Este é o primeiro trabalho de recolha biográfica sobre António Variações, músico e cantor emblemático dos anos 80, que gravou apenas dois álbuns e um single de originais mas que marcou para sempre a música e a sociedade portuguesa. Com esta biografia, António Variações, entre Braga e Nova Iorque, a … Ler mais


Comprar livros de Manuela Gonzaga: VER LIVRARIAS

Comentar