José Saramago

com Sem comentários

Escritores > José Saramago

Data Nasc: 16/11/1922 Naturalidade: Azinhaga

Na web: Site Facebook Twitter Instagram


Filho e neto de camponeses, José Saramago nasceu na aldeia de Azinhaga, província do Ribatejo, no dia 16 de Novembro de 1922, se bem que o registo oficial mencione como data de nascimento o dia 18. Os seus pais emigraram para Lisboa quando ele não havia ainda completado dois anos. A maior parte da sua vida decorreu, portanto, na capital, embora até aos primeiros anos da idade adulta fossem numerosas, e por vezes prolongadas, as suas estadas na aldeia natal.

Fez estudos secundários (liceais e técnicos) que, por dificuldades económicas, não pôde prosseguir. O seu primeiro emprego foi como serralheiro mecânico, tendo exercido depois diversas profissões: desenhador, funcionário da saúde e da previdência social, tradutor, editor, jornalista. Publicou o seu primeiro livro, um romance,  Terra do Pecado, em 1947, tendo estado depois largo tempo sem publicar (até 1966). Trabalhou durante doze anos numa editora, onde exerceu funções de direcção literária e de produção. Colaborou como crítico literário na revista  Seara Nova. Em 1972 e 1973 fez parte da redacção do jornal Diário de Lisboa, onde foi comentador político, tendo também coordenado, durante cerca de um ano, o suplemento cultural daquele vespertino.

Pertenceu à primeira Direcção da Associação Portuguesa de Escritores e foi, de 1985 a 1994, presidente da Assembleia Geral da Sociedade Portuguesa de Autores. Entre Abril e Novembro de 1975 foi director-adjunto do jornal  Diário de Notícias. A partir de 1976 passou a viver exclusivamente do seu trabalho literário, primeiro como tradutor, depois como autor. Casou com Pilar del Río em 1988 e em Fevereiro de 1993 decidiu repartir o seu tempo entre a sua residência habitual em Lisboa e a ilha de Lanzarote, no arquipélago das Canárias (Espanha). Em 1998 foi-lhe atribuído o Prémio Nobel de Literatura.

José Saramago faleceu a 18 de Junho de 2010.


Principais Obras Publicadas

Cadernos de Lanzarote V
2018, Porto Editora (reedição)

O relato da vida quotidiana do escritor, dos episódios íntimos da criação literária às mais corajosas tomadas de posição, nos quatro cantos do mundo. O último de cinco diários escritos entre 1993 e 1997 na ilha de Lanzarote, do arquipélago das Canárias.

Um ano depois, o autor prossegue o desafio. Dia após dia, Saramago não esconde pormenor. Participações em colóquios, em Aveiro, Viseu, Faro e Coimbra. Sempre a literatura, algumas vezes até, de mãos dadas com a política.

«Este livro, que vida havendo e saúde não faltando terá continuação, é um diário.» Em 1994, tendo saído de Portugal após ter sido alvo de censura pelo governo de Cavaco Silva no episódio da candidatura de O evangelho segundo Jesus Cristo ao Prémio Europeu de Literatura, Saramago editava o primeiro … Ler mais

A Viagem do Elefante
2016, Porto Editora

Plano Nacional de Leitura Livro recomendado para o Ensino Secundário como sugestão de leitura. Em meados do século XVI o rei D. João III oferece a seu primo, o arquiduque Maximiliano da Áustria, genro do imperador Carlos V, um elefante indiano que há dois anos se encontra em Belém, vindo … Ler mais

O Homem Duplicado
2016, Porto Editora

Tertuliano Máximo Afonso, professor de História no ensino secundário, «vive só e aborrece-se», «esteve casado e não se lembra do que o levou ao matrimónio, divorciou-se e agora não quer nem lembrar-se dos motivos por que se separou», à cadeira de História «vê-a ele desde há muito tempo como uma … Ler mais

Ensaio sobre a Cegueira
2016, Porto Editora

Um homem fica cego, inexplicavelmente, quando se encontra no seu carro no meio do trânsito. A cegueira alastra como «um rastilho de pólvora». Uma cegueira coletiva. Romance contundente. Saramago a ver mais longe. Personagens sem nome. Um mundo com as contradições da espécie humana. Não se situa em nenhum tempo … Ler mais

O Conto da Ilha Desconhecida
2016, Porto Editora

Um homem foi bater à porta do rei e disse-lhe, Dá-me um barco. Situada num tempo e num espaço indeterminados, a história do homem que queria um barco para ir à procura da ilha desconhecida promete ser a história de todos os homens que lutam contra as convenções em busca … Ler mais

Ensaio sobre a Lucidez
2016, Porto Editora

Num país indeterminado decorre, com toda a normalidade, um processo eleitoral. No final do dia, contados os votos, verifica-se que na capital cerca de 70% dos eleitores votaram em branco. Repetidas as eleições no domingo seguinte, o número de votos brancos ultrapassa os 80%. Receoso e desconfiado, o governo, em … Ler mais

História do Cerco de Lisboa
2016, Porto Editora

«Há muito que Raimundo Silva não entrava no castelo. Decidiu-se a ir lá. O autor conta a história de um narrador que conta uma história, entre o real e o imaginário, o passado e o presente, o sim e o não. Num velho prédio do bairro do Castelo, a luta … Ler mais

A Estátua e a Pedra
2016, Fundação José Saramago

Um texto em que, de forma clara e fluida, José Saramago traça um percurso simples, sem artifícios e bem-humorado, pelos seus diferentes livros para acabar concluindo que até a “O Evangelho Segundo Jesus Cristo” havia estado descrevendo a estátua e que a partir desse livro, que é fronteira, a sua … Ler mais

As Intermitências da Morte
2016, Porto Editora

Plano Nacional de Leitura Livro recomendado para o Ensino Secundário como sugestão de leitura. «No dia seguinte ninguém morreu.» Assim começa este romance de José Saramago. Colocada a hipótese, o autor desenvolve-a em todas as suas consequências, e o leitor é conduzido com mão de mestre numa ampla divagação sobre … Ler mais

«O Evangelho segundo Jesus Cristo, dizia, é o romance que gerou mais polémica e é a causa de ter mudado a minha residência de Lisboa para Lanzarote, em Espanha. É um livro que não projetei, porque jamais me havia passado pela cabeça escrever uma vida de Jesus, havendo tantas e … Ler mais

Memorial do Convento
2016, Porto Editora

Plano Nacional de Leitura Livro recomendado para o Ensino Secundário como sugestão de leitura. «Um romance histórico inovador. Personagem principal, o Convento de Mafra. O escritor aparta-se da descrição engessada, privilegiando a caracterização de uma época. Segue o estilo: “Era uma vez um rei que fez promessas de levantar um … Ler mais

As Pequenas Memórias
2016, Porto Editora

As Pequenas Memórias é um livro de recordações que abrange o período entre os quatro e os quinze anos da vida de José Saramago: «Queria que os leitores soubessem de onde saiu o homem que sou».

O Ano da Morte de Ricardo Reis
2016, Porto Editora

Um tempo múltiplo. Labiríntico. As histórias das sociedades humanas. Ricardo Reis chega a Lisboa em finais de dezembro de 1935. Fica até setembro de 1936. Uma personagem vinda de uma outra ficção, a da heteronímia de Fernando Pessoa. E um movimento inverso, logo a começar: «Aqui onde o mar se … Ler mais

O lagarto
2016, Porto Editora

«O Lagarto» é um conto breve incluído em A Bagagem do Viajante (1973), volume que reuniu as crónicas escritas por José Saramago para o diário A Capital e para o semanário Jornal do Fundão entre 1971 e 1972. A história narra o aparecimento no Chiado de um misterioso lagarto, cuja presença … Ler mais

Todos os nomes
2015, Porto Editora

O protagonista é um homem de meia-idade, funcionário inferior do Arquivo do Registo Civil. Este funcionário cultiva a pequena mania de colecionar notícias de jornais e revistas sobre gente célebre. Um dia reconhece a falta, nas suas coleções, de informações exatas sobre o nascimento (data, naturalidade, nome dos pais, etc.) … Ler mais

A jangada de pedra
2015, Porto Editora

Em A Jangada de Pedra (…) o escritor recorre a um estratagema típico. Uma série de acontecimentos sobrenaturais culmina na separação da Península Ibérica que começa a vogar no Atlântico, inicialmente em direção aos Açores. A situação criada por Saramago dá-lhe um sem-número de oportunidades para, no seu estilo muito … Ler mais

Que farei com este livro?
2015, Porto Editora

Que farei com este livro?, pergunta-se Camões, segundo José Saramago, ao contemplar o seu poemaOs Lusíadas por fim impresso. Foi esta a pergunta que induziu José Saramago a escrever uma peça de teatro cuja ação decorre em Almeirim e Lisboa entre abril de 1570 e março de 1572, entre a … Ler mais

Objeto Quase
2015, Porto Editora

O ditador caiu duma cadeira, os árabes deixaram de vender petróleo, o morto é o melhor amigo do vivo, as coisas nunca são o que parecem, quando vires um centauro acredita nos teus olhos, se uma rã escarnecer de ti atravessa o rio. Tudo são objetos. Quase.

Os Apontamentos
2014, Porto Editora

Editoriais do Diário de Notícias e crónicas publicadas no Diário de Lisboa, onde Saramago sublinha: «No meio de tantas palavras, não encontro senão duas que gostosamente apagaria se não fosse o escrúpulo de proteger o meu próprio respeito. É quando, uma e outra vez, falo de “jornalistas revolucionários”. Como se … Ler mais

A Noite
2014, Porto Editora

«A Noite, a primeira obra dramática de Saramago que o escritor dedica a Luzia Maria Martins, a pessoa que o “achou capaz de escrever uma peça”. Seria mesmo. A noite de que se fala nesta peça ficou para a história: de 24 para 25 de abril de 1974. A ação … Ler mais

Levantado do Chão
2014, Porto Editora

A transformação social. A contestação. Personagens em diálogos. As cruentas desigualdades sociais. Surgem as perguntas proibidas. Vai-se adquirindo consciência e espaço, para que tudo se levante do chão. Um livro composto por 34 capítulos. No 17.º está a tortura e a morte de Germano Santos Vidigal. Germano, o nome que … Ler mais

Claraboia
2011, Caminho

A ação do romance localiza-se em Lisboa em meados do século XX. Num prédio existente numa zona popular não identificada de Lisboa vivem seis famílias: um sapateiro com a respetiva mulher e um caixeiro-viajante casado com uma galega e o respetivo filho – nos dois apartamentos do rés do chão; … Ler mais

A maior flor do mundo
2001, Editorial Caminho [Reed. 2016, Porto Editora]

E se as histórias para crianças passassem a ser de leitura obrigatória para os adultos? Seriam eles capazes de aprender realmente o que há tanto tempo têm andado a ensinar?

A Caverna
2000, Porto Editora (reed. em 2014)

Uma pequena olaria, um centro comercial gigantesco. Um mundo em rápido processo de extinção, outro que cresce e se multiplica como um jogo de espelhos onde não parece haver limites para a ilusão enganosa. Este romance fala de um modo de viver que vai sendo cada vez menos o nosso … Ler mais


Comprar livros de José Saramago: VER LIVRARIAS


Notícias do escritor

23/02/2018 - Exposição ‘Saramago – os pontos e a vista’ patente em São Paulo
02/02/2018 - Revista de Estudos Saramaguianos já disponível
01/02/2018 - “Memorial do Convento” no Palácio Nacional de Mafra
29/01/2018 - ‘Cadernos de Lanzarote – Diário V’ reeditado
15/01/2018 - Ler no Chiado | José Saramago
29/11/2017 - II Jornadas Internacionais José Saramago em Pontevedra
09/11/2017 - ‘Ensaio sobre a Cegueira’ no Teatro Municipal de Matosinhos
07/11/2017 - ‘Com o Mar por Meio – Uma amizade em cartas’ apresentado na Fundação José Saramago
31/10/2017 - Dias do Desassossego 2017, Pessoa e Saramago em Lisboa
30/10/2017 - Mostra ‘Prémios Nobel da Literatura ibero-americana’ na BNP
12/10/2017 - Cerimónia de entrega do Prémio Literário José Saramago 2017
11/10/2017 - Saramago e Gedeão integram colecção Reino das Letras
09/10/2017 - Revista Zuca Magazine dedicada a José Saramago
26/09/2017 - Revista Blimunda de Setembro já disponível
12/09/2017 - ‘História do Cerco de Lisboa’ estreia, este mês, em Braga
11/08/2017 - ‘O Ano da Morte de Ricardo Reis’ reeditado
14/07/2017 - Festa Literária Internacional de Paraty homenageia Lima Barreto, Jorge Amado e Saramago
04/07/2017 - ‘Com o Mar por Meio’, correspondência inédita entre Jorge Amado e José Saramago
04/07/2017 - Festival de Literatura-Mundo do Sal homenageia José Saramago
15/06/2017 - Homenagem a José Saramago decorre este domingo
13/06/2017 - ‘Claraboia’ com nova edição
26/05/2017 - Caminhada Literária ‘José Saramago – Vislumbres em Lisboa’ a 4 de junho
12/05/2017 - Livros de Afonso Cruz e José Saramago vencedores do Prémio FNLIJ 2017
12/05/2017 - Casa Amado e Saramago na Festa Literária Internacional de Paraty
17/04/2017 - “José Saramago, 90 anos” na Casa da Cultura da Trofa
12/04/2017 - “Ensaio Sobre a Cegueira”, de José Saramago, em edição de luxo
28/03/2017 - Exposição “Memorial Do Convento” no Palácio Nacional de Mafra
10/03/2017 - 10ª edição do Prémio Literário José Saramago até 15 de maio
03/02/2017 - Novidades Porto Editora de fevereiro
09/12/2016 - Doação do Espólio de José Saramago à Biblioteca Nacional de Portugal
05/12/2016 - “Memorial do Convento” em edição única e limitada
16/11/2016 - “José Saramago, Homem-Rio” apresentado a 19 de novembro
13/10/2016 - Cadernos de José Saramago regressam hoje ao mercado literário

Textos do escritor

14/01/2018 - A imortalidade (Pensamentos)
14/01/2018 - A criança pequena (Pensamentos)
12/12/2017 - Se a vida é uma sentença e a morte uma justiça (Pensamentos)
08/12/2017 - As Mulheres São Mais Fortes (Pensamentos)


Comentar