Gonçalo M. Tavares

com Sem comentários

Escritores > Gonçalo M. Tavares

Data Nasc: Naturalidade: Luanda - Angola

Na web: Blog


Gonçalo M. Tavares nasceu em 1970.

Desde 2001 publicou livros em diferentes géneros literários.

Os seus livros receberam vários prémios em Portugal e no estrangeiro e deram origem, em diferentes países, a diversos trabalhos artísticos e académicos.

Em 2010, o seu livro Aprender a Rezar na Era da Técnica recebeu o Prémio do Melhor Livro Estrangeiro em França.

É um dos dez escritores que fazem parte do Comité do Finnegan’s List 2014, European Society of Authors.

Estão em curso cerca de 220 traduções distribuídas por quarenta e cinco países.

O romance “Jerusalém” foi incluído na edição europeia de “1001 livros para ler antes de morrer – um guia cronológico dos mais importantes romances de todos os tempos”.

Recebeu o Prémio Portugal Telecom 2007; o Prémio José Saramago 2005 e o Prémio LER/Millennium BCP 2004 com o romance – “Jerusalém” (Caminho); o Prémio Branquinho da Fonseca da Fundação Calouste Gulbenkian e do Jornal Expresso, com o livro “O Senhor Valéry” (Caminho); o Prémio Revelação de Poesia da Associação Portuguesa de Escritores com “Investigações.Novalis” (Difel) e o Grande Prémio de Conto da Associação Portuguesa de Escritores “Camilo Castelo Branco” com “água, cão, cavalo, cabeça” (Caminho); na Itália o X Prémio Internacional Trieste 2008.

A 9 de Junho de 2012 foi feito Grande-Oficial da Ordem do Infante D. Henrique.


Principais Obras Publicadas

É este o grande aviso às personagens deste livro, o primeiro de uma série de Mitologias em que Gonçalo M. Tavares recoloca o humano e a história numa dimensão mitológica, que distorce para mostrar melhor e que, recorrendo ao universo narrativo da oralidade e do fantástico, explora brilhantemente aquilo que … Ler mais

– Gosto muito de bater na cabeça das pessoas com uma certa força. – Gosta? – Sim, agrada-me. Dá-me prazer. Uma pessoa vai a passar e eu chamo-a: ó, desculpe, Vossa Excelência?! – E ela – a Excelência – vai? – Sim. Quem não gosta de ser chamado à distância … Ler mais

Prólogo “De 5 de Abril de 1992 a 29 de Fevereiro de 1996 Sarajevo esteve cercada pelo exército sérvio muitos fugiram; 12.000 mortos, 50.000 feridos; a população da cidade desceu para metade. E metade é muito; é muitíssimo. Um sniper atingiu Admeto; Admeto está a morrer. Sabe que poderá ser … Ler mais

Hanna e Marius, Berlim, Século XX. Marius encontra uma menina perdida à procura do pai. Hanna, rapariga, cabelos castanhos, olhos pretos, catorze anos. Hanna fala com dificuldades, entende mal o que lhe acontece, não percebe o raciocínio dos outros. Está perdida. Marius está com pressa mas muda o seu percurso, … Ler mais

Atlas do Corpo e da Imaginação é um livro de Gonçalo M. Tavares que atravessa a literatura, o pensamento e as artes, passando pela imagem e por temas como os da identidade, tecnologia; morte e ligações amorosas; cidade, racionalidade e loucura, alimentação e desejo, etc. Centenas de fragmentos que definem … Ler mais

Uma Viagem à Índia
2010, Caminho

«A singular e provocante Viagem à Índia de Gonçalo M. Tavares não é, contudo, a epopeia desta espécie de terra de ninguém do sentido, em que o Ocidente se converteu, mas a travessia e o confronto, ao mesmo tempo intemerato e burlesco, desse caos, não para descobrir nele uma mítica … Ler mais

Matteo perdeu o emprego
2010, Porto Editora

Matteo responde a um anúncio de emprego. Toca à campainha e uma mulher recebe-o. Mas a mulher apresenta uma particularidade estranha. É a primeira proposta de trabalho de Matteo em muitos meses: aceita-a. Mas Matteo não suporta aquele ofício durante muito tempo. Responde a um novo anúncio. Toca à campainha … Ler mais

Aprender a Rezar na Era da Técnica conta a história de um cirurgião, Lenz Buchmann, que abandona a medicina para se dedicar à política. Tem a ilusão de poder salvar muitas pessoas ao mesmo tempo, em vez de salvar uma pessoa, de cada vez, no seu acto médico. A sua … Ler mais

Jerusalém
2004, Caminho

Um dia a mãe de Mylia, de 18 anos, leva-a ao médico, Theodor Busbeck, alegando que a filha vê almas. O médico apaixona-se por Mylia, talvez como objecto de estudo, contudo, passado algum tempo, e dada a impossibilidade de vida em comum, Mylia é internada no hospício Georg Rosenberg. Busbeck … Ler mais


Comprar livros de Gonçalo M. Tavares: VER LIVRARIAS


Vídeo

Mais vídeos >>

Comentar