Ana Gil Campos

com Sem comentários

Escritores > Ana Gil Campos

Data Nasc: 22/02/1980 Naturalidade: Braga

Na web: Blog Facebook Instagram


Ana Gil Campos nasceu em Braga, em 1980. Tem o mestrado em Engenharia Biomédica pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.

É autora do romance “Quando Ruiu a Ponte sobre o Tamisa”, publicado em Maio de 2016, pela Editorial Novembro; autora do romance “A Segunda Pele da Acácia Mimosa”, lançado em Outubro de 2014 em Portugal e em Abril de 2015 no Brasil, pela Chiado Editora.

Escreveu para o Expresso de 2009 a 2014 e colaborou com a revista Exame de 2011 a 2013.

Viveu em São Paulo, Brasil, de 2013 a 2015 onde encontrou inspiração para escrever o seu terceiro livro, “As Intermitências do Cupido”, publicado em 2017 pela Coolbooks.

Dedica-se com regularidade ao seu blog pessoal.


Principais Obras Publicadas

No Itaim Bibi, um bairro nobre de São Paulo, tudo parece sereno, entregue às rotinas diárias. Sob esta aparência tranquila, porém, as vidas íntimas dos seus moradores são atravessadas por inúmeras aventuras. Ao longo deste livro, somos convidados a espreitar à janela de cada personagem, partilhando os seus segredos e … Ler mais

Quando Ruiu a Ponte Sobre o Tamisa
2016, Editorial Novembro

“Eu sou aquela que vive numa brisa morna quando ardo por dentro e toco friamente no mundo, porque não lhe chego a tocar. Nasci com o título eloquente de princesa, mais usado pelos outros do que por mim, transformei um belo sapo num astuto príncipe, parecendo mais príncipe do que … Ler mais

A Sara, uma mulher determinada e ambiciosa, no pico da sua carreira como arquiteta sente um grande vazio interior, uma frustração que a consome apesar de ter uma vida aparentemente perfeita. Assim, desloca-se perturbada a Vieira do Minho, a sua terra natal no norte de Portugal, para procurar ajuda da … Ler mais


Comprar livros de Ana Gil Campos: VER LIVRARIAS


Entrevista

‘Um bom livro é aquele que nos faz compreender uma situação mesmo que não nos identifiquemos com ela’ - 16/11/2017

Ana, quando é que surgiu a sua vontade de escrever ficção e de publicar? Sempre escrevi ficção, desde muito jovem, mas sempre o fiz para mim, por necessidade de escrever e de criar. Nunca coloquei a h … Ler mais

Comentar