Lançamento da revista “A Morte do Artista” na Biblioteca Camões

com Sem comentários

Realiza-se no dia 13 de maio, pelas 16h30, na Biblioteca Camões, em Lisboa, o lançamento do 1º número da revista A Morte do Artista.

A revista nasce do Colectivo A Morte do Artista (fundado em 2015 e composto por Carina Bernardo, Fernanda Cunha, Firmino Bernardo, João Eduardo Ferreira, Manuel Halpern e Paulo Romão Brás) e tem, nesta edição, Mário de Carvalho como autor de destaque.

A Morte do Artista #1 conta com Textos inéditos de Mário de Carvalho, Fernanda Cunha, Firmino Bernardo, João Eduardo Ferreira, Manuel Halpern, Alfredo Cameirão, Carlos Bessa, Pedro Castro Henriques e Natália Constâncio; Ilustrações de André Ruivo; Grafismo de Paulo Romão Brás e Edição e produção de Carina Bernardo.

A programação do dia de lançamento contempla:

– Leituras encenadas a partir de textos da revista;

– Apresentação da revista;

– Entrega de um prémio ao escritor Mário de Carvalho;

– Convívio (autógrafos, lanche, etc.)

– Banca com livros/discos da autoria de vários elementos do colectivo.

.

«Sempre que morre um artista há um caleidoscópio de vitrais raros que emerge num exoplaneta habitável demasiado longe do sistema solar. Nós tentamos morrer várias vezes só para lhes conhecermos as cores. Nós tentamos morrer várias vezes na exasperada ânsia de nascer de novo. E de nascer melhor.»

Mais informações: amortedoartista.wordpress.com

.

Comentar