“Pelo Fundo da Agulha” lançado a 9 de maio na Livraria Ferin

com Sem comentários

O livro “Pelo Fundo da Agulha” do escritor brasileiro Antônio Torres, editado pela Teodolito, tem sessão de lançamento agendada para o dia 9 de maio, pelas 18h30, na Livraria Ferin, em Lisboa.

A apresentação estará a cargo de Teolinda Gersão.

Maria do Céu Guerra lerá algumas páginas.

.

Pelo fundo da agulha fecha uma trilogia primorosamente construída, iniciada com Essa terra, onde o (então) jovem protagonista, Totonhim, recebe na sua cidade natal, Junco, no sertão baiano, a visita do seu irmão Nelo, que vinte anos antes tentara a sorte em São Paulo. Olhado como alguém que alcançou o sucesso, na verdade Nelo regressa falido, e acaba por cometer suicídio por não corresponder às expectativas dos seus e por não mais sentir como possível o reencontro com a sua cidade. Em O cachorro e o lobo, a narrativa ganha lentidão – transcorridas duas décadas, Totonhim reaparece para comemorar os 80 anos do pai.  Agora, dez anos depois, Totonhim está sozinho no mundo. Aposentou-se, separou-se da mulher e dos filhos, perdeu o melhor amigo e faz uma outra viagem de volta – totalmente interior.  Ao som de velhas canções, Antônio Torres constrói em Pelo fundo da agulha uma narrativa musical, com idas e voltas, representando o próprio movimento desses migrantes que habitam dois tempos e dois mundos, fazendo a passagem contínua de um para o outro.

«Um dos mais belos romances sobre o tempo que passa e nos acaricia e morde, afaga e faz doer».

Ignácio de Loyola Brandão, O Estado de S. Paulo

.

Comentar