‘Ninguém sabe onde está’, um livro de crónicas de Luís Maio

com Sem comentários

O livro ‘Ninguém sabe onde está’, de Luís Maio, acaba de ser publicado pela editora Abysmo.

.

«O livro reúne crónicas escritas por Luís Maio desde que se tornou jornalista de viagens, à entrada do novo século. São textos escritos na primeira pessoa, num registo autobiográfico que frequentemente integra elementos de ensaio e de ficção. Não têm, porém, um denominador comum, que não seja a sua genealogia num depois, ou para além da reportagem de viagens propriamente dita. São memórias de experiências únicas e pessoais, mas também interrogações, possibilidades e fantasias nascidas do viver em trânsito. ‘Ninguém sabe onde está’ resulta desse sobejar. São 50 crónicas na maior parte publicadas ao longo da última década e meia, agora radicalmente reescritas e suplementadas de meia dúzia de inéditos que, entretanto, aproveitaram a boleia para chegarem ao prelo.»

..

Comentar