Manuel Alegre vence Prémio Camões 2017

com 2 comentários

O escritor português Manuel Alegre é o vencedor do Prémio Camões 2017. O anúncio foi feito ontem na Biblioteca Nacional, no Rio de Janeiro.

Depois de ter recebido, no ano passado, o Prémio Vida Literária da Associação Portuguesa de Escritores e o Prémio de Consagração de Carreira da Sociedade Portuguesa de Autores, o percurso de mais de 50 anos de literatura e intervenção política foi consagrado com a atribuição do Prémio Camões.

Recorde-se que Manuel Alegre foi distinguido, este ano, com o Prémio Guerra Junqueiro, instituído pelo Freixo Festival Internacional de Literatura e tem recebido, ao longo da sua carreira, uma diversidade de prémios e distinções nacionais e internacionais, entre eles, o Grande Prémio de Poesia da APE.

O Prémio Camões, na sua 29.ª edição, instituído pelos Governos de Portugal e do Brasil, pretende consagrar anualmente “um autor de língua portuguesa, pelo valor intrínseco da sua obra, tenha contribuído para o enriquecimento do património literário e cultural da língua comum”.

O júri foi constituído por Paula Morão, professora catedrática da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, Maria João Reynaud, professora associada jubilada da Faculdade de Letras da Universidade do Porto, Leyla Perrone-Moisés, professora emérita da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da Universidade de São Paulo, José Luís Jobim, professor aposentado da Universidade Federal Fluminense e da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Lourenço do Rosário, reitor da Universidade Politécnica de Maputo e pelo poeta cabo-verdiano José Luís Tavares.

.

2 Comentários

  1. Prémios e a sua atribuição, são sempre carregados de subjectividade, não negando eu, a carreira fecunda de Manuel Algre.

    Parabéns ao autor, pelo maior prémio literário em português

  2. Prémios e a sua atribuição, são sempre carregados de subjectividade, não negando eu, a carreira fecunda de Manuel Algre.

    Parabéns ao autor, pelo maior prémio literário em português

Comentar