Mário Eloy

com Sem comentários

Escritores > Helena Vasconcelos > Mário Eloy


Ano: 2006 | Editora: Caminho

A obsessão pelo auto-retrato é uma das características da obra de Mário Eloy e a frase aqui citada de Da Vinci – de quem não se conhece, curiosamente, qualquer auto-retrato, ao contrário de Rembrandt que nos legou 40 pinturas, 31 esboços e alguns desenhos em que o tema é ele próprio – mostra quão importante tem sido essa forma irresistível de autoconhecimento, utilizado por artistas ao longo dos tempos.
Caminhos da Arte Portuguesa no Século XX
Constituída por 42 volumes, esta é uma das mais importantes e completas colecções sobre a arte portuguesa do século XX, dando a conhecer ao público as obras de alguns dos mais destacados protagonistas da época. Cada artista é objecto de uma abordagem profunda e analítica: obra, vida, inscrição na história da cultura portuguesa e nas correntes artísticas do seu tempo. Nos diferentes volumes, a par de textos assinados por especialistas de reconhecido mérito, o leitor poderá apreciar a fiel reprodução de algumas dezenas de obras, escolhidas de entre as principais colecções institucionais e privadas, e em simultâneo aceder a uma mini-retrospectiva de cada artista.


Comprar livros de Helena Vasconcelos: VER LIVRARIAS


Comentar