As Coisas

com Sem comentários

Escritores > Inês Fonseca Santos > As Coisas


Ano: 2012 | Editora: Abysmo
«AS COISAS são feitas de vidro. Partem-se quando digo em voz alta o teu nome. Nome de todas as coisas.»

«É a consciência aguda da passagem do tempo que unifica todo o passado na categorias de “coisa”, e os poemas falam de coisas difíceis, inanimadas, frágeis, “feitas de vidro”. Por isso as coisas partem-se, colam-se, recuperam-se, e nesse processo ganha-se uma maior consciência das suas formas, da sua superfície e também dos seus limites. Há nestes poemas […] um trânsito subtil e seguro entre as “coisas” e as “palavras”, em especial a palavra “nome”, e uma espécie de gratidão magoada, que deve bastante a [Manuel António] Pina […]»
Pedro Mexia, Expresso

Comprar livros de Inês Fonseca Santos: ALMEDINA | BERTRAND | BULHOSA | FNAC | LEYA | WOOK

Comentar