“Levante-se o Réu”, de Rui Cardoso Martins, em Portugal e no Brasil

com Sem comentários

Numa altura em que o volume das crónicas vai ser publicado, em breve, no Brasil, “Levante-se o Réu” tem, em Portugal, uma nova edição e volta às livrarias portuguesas, editado pela Tinta da China.

.

Ao longo de quase 20 anos, Rui Cardoso Martins assistiu a mais de 700 casos de justiça em sessões públicas de tribunal. Depois, fixou-os num registo literário de efeitos ora cómicos, ora comoventes, sempre com uma capacidade notável para captar a justiça e a injustiça, o chocante e o caricato. «Levante-se o Réu contava histórias dos tribunais portugueses, com pessoas reais e crimes verdadeiros, mas havia quem julgasse que eram inventados. Que os réus, acusadores, testemunhas e magistrados seriam personagens de ficção. Mas não eram nem podiam. Todas as semanas eu voltava, por assim dizer, ao local do crime: ao tribunal. Só alterava os nomes para proteger as identidades nos casos mais delicados. Não se pode mentir em jornalismo. A realidade – a chamada vida – é que tem muita imaginação.»

.

O jornalista e escritor regressou em Abril aos jornais, desta feita com um espaço nas edições de domingo do Jornal de Notícias.

As crónicas renderam-lhe dois prémios Gazeta de Jornalismo e, em 2015 e 2016. Rui Cardoso Martins é ainda cronista nas manhãs das quartas-feiras da Antena 1, com a rubrica “O Fio da Meada”.

..

Comentar