“A Mãe Eterna”, de Betty Milan, apresentado a 28 de abril

com Sem comentários

“A Mãe Eterna” da autoria da escritora brasileira Betty Milan, com chancela Objectiva, tem sessão de lançamento agendada para o dia 28 de abril, pelas 17h30, no Sky Bar, Tivoli Avenida, em Lisboa.

O livro tem texto introdutório de Teolinda Gersão.

A apresentação do livro estará a cargo de Carlos Kessel, em representação da Embaixada do Brasil, Maria Belo e Teolinda Gersão. Haverá, ainda, leitura de excertos por Paula Guedes.

.

Aos 98 anos, com a saúde debilitada, a mãe mal ouve e quase não vê. A filha, que se vê no papel de mãe da própria mãe, questiona os médicos, as religiões, tudo. Para quê manter vivo alguém que já não vive? Num relato comovente, em forma de diário, a filha descreve as peripécias do dia-a-dia com a mãe; ao Um livro forte, uma reflexão gritante de tão actual, A Mãe Eterna apresenta-nos um dilema que mói a alma e nos faz questionar a vida, a morte e a relação mãe-filha.

.

.

Comentar